Diário da Serra

Servidores da educação fazem protesto em frente à Câmara de Cuiabá

G1 MT 21/02/2019 Educação
Educação

Servidores municipais da educação fazem um protesto em frente à Câmara de Vereadores de Cuiabá, nesta quinta-feira (21), por causa de um projeto que prevê mudança de carreira dos servidores da educação.

 

O ato contou com a participação de servidores favoráveis e contrários. De um lado, os que são a favor pressionam a Câmara para votar o projeto que altera a Lei Orgânica do município com agilidade e, do outro, os técnicos que se dizem prejudicados com a medida.

 

Conforme os manifestantes que são contrários, o projeto que tramita na Câmara prevê a elevação de carreira apenas para os técnicos que tem nível superior em pedagogia ou áreas afins. Os técnicos querem que contemple qualquer curso.

 

Segundo o presidente da Câmara, Misael Galvão, na semana passada, o líder do prefeito na Casa, o vereador Luis Cláudio (PP), pediu a retirada da proposta da pauta para que o Executivo fizesse correções. Com isso, o documento retornou à prefeitura.

 

Constatamos que se a progressão para nível 4 (nível superior) for aprovado como está, vai impedir que quem hoje está nas funções de auxiliar de serviços gerais, vigilante, motorista, nutrição escolar e administração escolar, tenham aumento nos salários, pois exigem cursos superiores específicos para estes cargos, o que não existe em nenhum lugar do Brasil", diz os servidores, em trecho de um panfleto distribuído durante o protesto.

Notícias da editoria