Homem com tornozeleira desligada é preso em esconderijo

Redação 16/04/2018 Polícia
Polícia

Enquanto procurava por um suspeito de assassinato, policiais da Força Tática da 14ª Companhia prenderam W.F.S., 25 anos, com mandado de prisão em aberto e que estava com a tornozeleira eletrônica desligada. Ele foi localizado, num sítio, na Vila Canaã, em Rondonópolis, onde denúncias apontavam ser esconderijo do adolescente D. C. S. suspeito de ter cometido um latrocínio (roubo seguido de morte) no dia oito de abril deste ano.
Desde a data do crime, os policiais procuram por D.C. S., que ainda não foi localizado. No dia do crime, o suspeito usou uma motocicleta CG 150 preta para fugir da cena, tendo recebido apoio de seu irmão M. M. C. S., que o teria levado até o sítio próximo a estrada Campo Limpo. E a denúncia recebida na sexta-feira, 13, era de que ele estaria no sítio.
M.M.C.S. foi visto pilotando a referida moto na vila Canaã e fugiu quando foi dada ordem para que parasse. Mas acabou abandonando o veículo e fugiu para uma zona de mata.
Na continuidade do trabalho, policiais foram até o sítio onde estaria o autor do latrocínio. Ele não foi localizado, mas a polícia acabou encontrando W.F.S. que usa tornozeleira e estava desligada, o qual consta um mandado de prisão em aberto.

Eliana Bess / PM/MT



Notícias da editoria