Diário da Serra

SÉRIE B: Cuiabá viaja sem quatro titulares para Londrina

Pedro Lima / Olhar Esportivo 05/06/2019 Esportes

Dourado contará com retorno do lateral-esquerdo e do atacante

Técnico Itamar Schülle terá equipe modificada

Cuiabá viaja sem  quatro titulares  para Londrina

A delegação do Cuiabá Esporte Clube embarcou para o interior Paranaense, onde enfrenta o Londrina nesta sexta-feira, 7, a partir das 18h15 (de MT), no estádio do Café, pela sétima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2019.


O Cuiabá ocupa atualmente a décima colocação na competição nacional, com 8 pontos, sendo duas vitórias, dois empates e duas derrotas. Já o time londrinense está dentro do G4, na terceira posição com 13 pontos, quatro vitórias, um empate e uma derrota.


Para este duelo, o técnico Itamar Schülle tem alguns desfalques importantes. Os volantes Jean Patrick e Alê estão suspensos. Outra baixa é o zagueiro Edson Borges, titular em todos os jogos, que está machucado e não viajou. Eduardo Ramos segue sem condição de jogo e o atacante Júnior Todinho teve lesão muscular contra a Ponte Preta.


Na zaga, o zagueiro canhoto Alef deve ganhar sua primeira oportunidade na Série B. A probabilidade é dos volantes Escobar e Marino assumirem o meio-campo, juntamente com o meia Escudero. No lugar de Júnior Todinho, o técnico Itamar tem algumas opções, como os atacantes Hugo Cabral, Rodolfo e Jaílson.


As boas notícias são os retornos do lateral-esquerdo Danilo e do atacante Caio Dantas, que se recuperaram de lesões no tornozelo e embarcaram com a equipe para o Paraná.


Derrota em casa e décima colocação na Série B preocupam o Cuiabá

A equipe do Cuiabá Esporte Clube não conseguiu se manter entre os primeiros colocados como estava até a quarta rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com uma campanha média, o Dourado terminou a sexta rodada no meio da tabela, com duas vitórias, dois empates e duas derrotas consecutivas.


O último sábado, 1º, foi para esquecer. Invicto na Arena Pantanal desde setembro de 2018, o Cuiabá recebeu a Ponte Preta (SP) e teve o domínio do jogo apenas nos 20 minutos iniciais, quando conseguiu abrir o placar com o oportunismo do atacante Matheus Pato, após cobrança de escanteio do argentino Escudero.


Pouco depois, a Ponte já empatou o jogo em uma falha geral na defensiva cuiabana. Já no início do segundo tempo, em uma jogada ensaiada, a Ponte Preta cobrou lateral, o meia Marquinhos tabelou com o atacante Roger (que devolveu de letra) e cruzou rasteiro, para o gol do volante Camilo, sozinho pelo meio da área.


O Cuiabá tentou a reação, mas naquela altura, o técnico Itamar Schülle já tinha substituído Júnior Todinho, que saiu machucado no primeiro tempo. Sem o Dourado conseguir marcar gol na pressão, a Macaca deu o golpe final aos 32 minutos, garantindo os três pontos para o time de Campinas na Arena Pantanal.


Os problemas aumentaram no elenco do Cuiabá. Além do lateral-direito Jonas, que ainda não foi relacionado, em recuperação, do esquerdo Danilo, que está em transição, o meia Eduardo Ramos e o atacante Caio Dantas também não estiveram disponíveis, machucados.


O Cuiabá precisará colocar a “casa em ordem” para voltar a figurar perto dos líderes e se manter afastado da parte debaixo durante a paralisação de 30 dias para a Copa América.
 



Notícias da editoria