Diário da Serra

Pelo menos quatro casos de catapora são detectados em escola de Tangará

Lucélia Andrade - Redação DS 27/05/2019 Saúde

Secretaria de Saúde ainda não foi notificada

Saúde

Pelo menos quatro crianças da Escola Municipal Ayrton Senna em Tangará da Serra precisaram deixar de frequentar as aulas em virtude de catapora. Os casos  não foram confirmados pela Secretaria Municipal de Saúde, tendo em vista que até o momento as notificações da doença ainda não foram realizadas.  

 

A mãe de um aluno do 3º ano da Ayrton Senna, disse que notou algumas manchinhas no rosto do filho, mas acreditava ser alergia.

 

Na manhã desta segunda-feira, 27, ela o mandou normalmente para escola, mas pouco tempo depois, recebeu a ligação da coordenação do colégio pedindo para que buscasse a criança, tendo em vista que as lesões aparentavam ser catapora. “Quando me ligaram, fui informada que outras crianças também estavam com a doença e era melhor ele ficar em casa, já que ela é contagiosa”, disse.   

 

A catapora ou varicela, é causada pelo vírus da Varicela Zoster. É uma doença aguda, altamente contagiosa. A transmissão ocorre até dois dias antes do surgimento das vesículas e até cinco dias após o surgimento das lesões.

 

O período de incubação, após contato com a doença e até a manifestação dos sintomas é de cerca de 15 dias, informou a pediatra Mariana Mendonça Hermida.

 

Segundo ela, quem contrai a doença pode apresentar sintomas como dor de cabeça, falta de apetite, mal estar e aparecimento de lesões bolhosas, que evoluem para crostas e pruriginosas. “A criança ou indivíduo com varicela/catapora, deve permanecer afastada de suas atividades habituais (escola, trabalho, meios sociais) a fim de evitar o contato de outras pessoas, principalmente de mulheres grávidas”, afirma a médica explicando que a infecção congênita é grave e pode trazer sequelas para o bebê.  

 

Além disso, a criança ou pessoa deve fazer repouso e tomar bastante líquido. Analgésicos e antialérgicos poderão ser receitados pelo médico, para amenizar dor e coceiras.

 

PREVENÇÃO – A vacinação contra a varicela ocorre, segundo  a pediatra,  aos 12 e 15 meses de idade. “Alguns casos, pode ser feita a vacinação de bloqueio para evitar contágio. Converse com seu médico para informações”, orienta.

 

Notícias da editoria