Diário da Serra

Agente é preso suspeito de cobrar propina de R$ 300

Mídia News 24/05/2019 Polícia

SALÁRIO DE R$ 28 MIL

Um agente de tributos da Sefaz  foi preso em flagrante no Aeroporto Marechal Rondon, suspeito de tentativa de extorsão. O agente estava no setor de cargas do aeroporto e tentaria concluir uma extorsão no valor de R$ 300.  Pelo cargo de agente de tributos, o suspeito tem remuneração de R$28.387,11.
As diligências que levaram à detenção começaram após uma vítima entrar em contato com a Defaz, relatando que no mês de março despachou para Cuiabá as rodas do seu veículo, em uma empresa em Jundiaí (SP). Quando foi retirá-las no Aeroporto de Várzea Grande foi informado que as rodas foram tributadas pela Sefaz.
Segundo a Polícia Civil, a vítima deu entrada em um processo de revisão de tributos no site da Secretaria e passados 15 dias recebeu uma ligação do agente de tributos. Após breve conversa, o funcionário da Sefaz teria perguntado à vítima quanto ela estaria disposta a pagar para que fosse cancelada a tributação e liberados produtos.
A vítima iniciou uma conversa com o suspeito via aplicativo WhatsApp, sendo inicialmente exigido pelo agente o valor de R$ 500 para o cancelamento da tarifa. Após negociação, ficou acertado o valor de R$ 300, que seriam entregue ao suspeito no posto da Sefaz, dentro do Aeroporto.
Depois do acordo, a vítima entrou em contato com equipe da Defaz denunciando a ação do servidor público, que foi detido nas dependências do Aeroporto.

 

Notícias da editoria