Diário da Serra

Ministro da Saúde afirma que só aportará recursos se houver seriedade

Olhar Direto 23/04/2019 Saúde

"Havendo seriedade, (...) o Governo vai aportar recursos"

Santa Casa de Cuiabá está fechada

O ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta, em visita a Cuiabá nesta segunda-feira, 22, afirmou que o Governo Federal só encaminhará recursos para a Santa Casa de Misericórdia quando a entidade fornecer dados oficiais sobre a situação financeira do hospital. Com dívidas que, segundo gestores afastados, beiram R$ 100 milhões, a Santa Casa fechou suas portas há cerca de dois meses e acumula atrasos principalmente no pagamento do salário de seus profissionais. De acordo com a Prefeitura, há médicos que não são pagos há mais de 10 meses.


“Nós estamos aguardando o final de como isso vai ser para podermos ver onde a União pode ajudar. (...) A gente tem que ter, todo mundo, muita seriedade nesse momento. Porque se a gente vai entrar para sanear, nós vamos ter que entrar com os números certos, os valores certos e com as pessoas certas, para entrarmos e fazermos aquilo que a sociedade espera da gente. Havendo seriedade, que eu sei que há, havendo verdade nos números e havendo planejamento, pode ter certeza que o Ministério da Saúde vai aportar recursos aqui em Cuiabá”, declarou o ministro.
 

Notícias da editoria