Diário da Serra

Cartaz de tangaraense é escolhido para representar região em concurso estadual

Redação DS 16/03/2019 Educação

A escolha do cartaz do aluno tangaraense aconteceu nesta sexta-feira, 15, durante IV Conselho sediado em Barra do Bugres

Educação

A produção 'A mão', de  Guilherme Alexandre de Almeida Santos,  de 16 anos, aluno da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Tangará da Serra, representará toda a região no Concurso de Cartazes - fase estadual.


A escolha do cartaz do aluno tangaraense aconteceu nesta sexta-feira, 15. O evento foi realizado pelo IV Conselho da Federação  das Apaes do Estado de  Mato  Grosso, sediado no município de Barra do Bugres. “Agora o trabalho escolhido será  a logomarca do Festival Regional Nossa Arte previsto para 26 de abril também no município de Barra  do  Bugres. Consequentemente o cartaz será  enviado   para concorrer a fase estadual, que será em   Araputanga. E juntamente aos outros 6 conselhos da Feape-MT, disputaremos a classificação  para a fase nacional”, complementa a coordenadora de artes, professora Célia Pereira de Oliveira. 
 

O Concurso Nacional de Cartazes é uma promoção da Federação Nacional das Apaes, que tem por objetivo proporcionar à Pessoa com Deficiência Intelectual, associada ou não a outras deficiências, oportunidade para expressar-se livremente através da linguagem visual, além de incentivar a criatividade e construir, expressar e comunicar-se em artes visuais, estimulando a percepção, a imaginação, a memória e a sensibilidade. 


Assim, o concurso é realizado primeiro internamente, depois segue para fase regional (que acabou de acontecer) e segue para a estadual, de onde sairão os escolhidos para representar a Federação das Apaes de Mato Grosso no Festival Nacional Nossa Arte que acontecerá em Manaus-AM.
 

Festival Nossa Arte
O Festival "Nossa Arte"  é promovido pela Federação Nacional das Apaes através da coordenadoria Nacional de Artes com a cooperação de órgãos governamentais e não-governamentais, empresas privadas e sociedade geral e visa destacar  por meio das artes visuais, artesanato, artes literárias, dança, musica, teatro, folclore,  as potencialidades das Pessoas com Deficiência  Intelectual e/ou múltipla.

Notícias da editoria