Diário da Serra

Em plenário vazio, presidente da ALMT diz que não vai pagar verba indenizatória a deputados faltosos

G1 MT 10/01/2019 Política
Política

Uma sessão convocada pelo presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), Eduardo Botelho (DEM), para esta quarta-feira (9) foi realizada, mas não teve a finalidade atingida, já que nem a Lei Orçamentária Anual de 2019 e nem as contas do governo Pedro Taques referentes a 2017 foram votadas.

 

Além disso, poucos deputados compareceram e, antes de terminar a sessão, o presidente anunciou em plenário que não vai liberar a verba indenizatória para os deputados que não comparecerem às sessões. "Eles têm que trabalhar", disse.

 

Menos da metade dos 24 deputados compareceram à sessão.

A deputada Janaína Riva (MDB) explicou que o texto da LOA chegou a ser encaminhado pelo ex- governador, mas foi alterado pela atual gestão e essas mudanças foram apresentadas nesta quarta-feira aos deputados.

 

Até agora os deputados não votaram o orçamento para 2019.

 

A última sessão ordinária de 2018 foi realizada nesta quinta-feira (20). A próxima, segundo a assessoria de imprensa, deve acontecer no dia 9 de janeiro.

 

Regimentalmente, os novos deputados estaduais, eleitos no pleito deste ano, tomam posse no dia 5 de fevereiro. Até lá, permanece a atual legislatura.

Notícias da editoria