Nova empresa de transporte coletivo pode começar a operar em setembro

Rodrigo Soares / Redação DS 09/08/2018 Geral
Geral

A Vandex Táxi Lotação Eireli, que recentemente venceu a licitação realizada pelo Executivo Municipal de Tangará da Serra, poderá iniciar as atividades do transporte coletivo já no próximo mês. A possibilidade pode se concretizar caso a documentação que será apresentada para o Município seja aprovada, fazendo com que os usuários finalmente possam usufruir de um serviço de maior qualidade. De acordo com o Superintendente de Transportes Aéreos e Viários (Sutrav), Cássio Lorenzetti, após vencer a licitação a empresa já providenciou o contrato assinado com o Município.
“Agora estamos esperando eles (a empresa) apresentarem as documentações dos veículos. Apresentando e nós aprovando, dentro de 30 dias começam a operar no transporte coletivo de nossa cidade”, relatou o coordenador, ao destacar que a Vandex tem até a próxima semana para providenciar a devida documentação da frota.
“O serviço da transporte coletivo irá melhorar significativamente, pois vai trocar toda frota. Contaremos inclusive com acessibilidade, então irá melhorar muito”, comentou Cássio.
Conforme o edital de licitação vencido pela Vandex, o valor da tarifa cobrada será de R$ 3,85 por passagem.
O critério para a escolha da empresa vencedora foi o menor valor da tarifa cobrada dos usuários dos ônibus, além de atender as especificações técnicas exigidas no certame. “Os veículos deverão ser equipados com elevador hidráulico para atendimento aos usuários com deficiência ou mobilidade reduzida”, cita um trecho do edital, informando que a frota inicialmente prevista é de no mínimo 10 veículos coletivos, já portando a nova padronização visual aprovada pelo Município de Tangará da Serra. “Os veículos passarão pelos quatro cantos da cidade”, garantiu o coordenador do Sutrav.

 

Notícias da editoria